O verão na maior parte do Brasil significa tempestades diárias de chuva e verde em todos os lugares. Preparar-se para a estação chuvosa é importante, pois além da escassez de água, o excesso também pode prejudicar a agricultura.

Além de grande quantidade de água, muitas vezes de maneira concentrada, há de se considerar pragas e doenças comuns nesse período, que podem causar queda na produtividade e prejuízos para o produtor rural.

Meu sistema de irrigação terá utilidade em períodos de chuva?

O fato do solo estar com grande quantidade de água não significa que a plantação esteja sadia. Por causa do grande volume de água, pode ocorrer lixiviação (perda dos nutrientes pela água), que prejudica a produtividade e gera perdas de fertilizantes aplicados na cultura.

Preparando seu cultivo e sistema de irrigação para a estação chuvosa

Experiências de produtores que usam a tecnologia de irrigação por gotejamento em todos os períodos do ano mostram que com o manejo adequado da fertirrigação, a planta se alimenta mais vezes, em menores quantidades, repondo, assim, possíveis nutrientes lixiviados pelas chuvas. Essa técnica também permite a economia de água, matérias-primas, trabalho e tempo.

Outra técnica em períodos de chuva é a aplicação de defensivos agrícolas via sistema de gotejamento para controlar o surgimento de pragas e doenças sem o risco de contaminação da área e do produtor, garantindo a segurança da lavoura e do profissional.

O uso das técnicas de irrigação podem ser uma boa alternativa durante todo o ano para o produtor rural, que com um bom planejamento e manejo adequado pode utilizar o sistema para garantir produtividade durante todas as estações do ano.

 

Conheça mais sobre a NaanDanJain! Acesse: www.naandanjain.com.br